Relato

Tempo bom, com sol porém com algum vento.

Realizamos a observação das 8 às 9h, foram registradas 33 espécies de aves, destacando-se um casal de bico-chato-de-orelha-preta que estava construindo seu ninho tão peculiar, filhotões de maçarico-de-cara-pelada nascidos ali mesmo ao redor do lago do Jardim Botânico, duas aracuãs que ao voarem nos mostraram a beleza da plumagem, e ainda um ninho de besourinho-de-bico-vermelho, construído mas não utilizado.

Logo após as 9h iniciamos a reunião, com 24 presentes. Glayson Bencke falou sobre algumas das espécies registradas e em seguida Walter Hasenack comentou sobre alguns assuntos: nossa confraternização de fim de ano, que desta vez infelizmente não poderá realizar-se no PE de Itapuã, assim alguns locais alternativos foram discutidos, e durante a semana será decidido e divulgado o lugar. Também mencionou a 4ª exposição do varal fotográfico do COA-POA, que fica no 3° andar do Aeroporto Salgado Filho até dia 17 de dezembro.

Outro assunto importante: há mais de um ano (leia tudo aqui http://coapoa.org/index.php/atividades/nucleos-do-coa/facilidades) entregamos um projeto de abrigos de observação para o Parque Tupancy, em Rondinha, e agora o projeto foi aprovado em parte (será construído um dos dois observatórios), e vamos novamente colaborar com sugestões de folders e quem sabe um mini-curso de observação de aves.

Em seguida ainda nos contou um pouco sobre como foi o mini-curso de fotografia de aves ministrado por ele e pelo Fabio Duarte durante o festival de Aves Migratórias em Mostardas nos dias 15 e 16 últimos. Maria do Carmo Both na sequência contou sobre o evento de educação ambiental e exposição do varal fotográfico também no mesmo evento, na praça central de Mostardas.

O relato de associado ficou a cargo do Claudio Duarte, que iniciou no COA através de uma de nossas Oficinas de Observação e agora é um aficcionado pela atividade: mostrou muitas fotos de sua viagem à Argentina, na pinguinera de Punta Tombo, em El Calafate e Ushuaia. A apresentação você pode baixar aqui. Agradecemos a participação!

Durante o intervalo houve um sorteio entre os presentes: dois calendários "Aves Brasileiras" do Edson Endrigo ofertados pelo associado Roberto Dall'Agnol.

Após tivemos nossa palestra principal: "Programa de Conservação do Cervo-do-pantanal no Rio Grande do Sul – PROCERVO"por Alexandre Krob, coordenador técnico do Instituto Curicaca, e André Osório Rosa, gestor do Refúgio de Vida Silvestre Banhado dos Pachecos.

Alexandre nos apresentou o Instituto Curicaca e o PROCERVO, que nasceu da necessidade de preservar uma população remanescente (e única no RS) de cervo-do-pantanal, incrivelmente aqui do lado de Porto Alegre, no nosso já conhecido e visitado Refúgio de Vida Silvestre Banhado dos Pachecos, em Viamão. É um projeto permanente e interinstitucional com estratégias para evitar a extinção dessa espécie aqui no estado. Mostrou-nos detalhes do local e do trabalho que vem sendo realizado, um deles visando a formação de corredores entre as áreas de banhado. Saiba mais clicando aqui.

Em seguida André, gestor do refúgio desde 2009 nos mostrou imagens da unidade de conservação e muitas fotos e filmes maravilhosos dos cervos e de outros mamíferos de médio e grande porte, capturadas por armadilhas fotográficas. Destacou o número de espécies de aves registradas (225 até o momento) e que este número cresce a cada ida do COA ao local!

Esta foi a última reunião deste ano e em seguida vamos divulgar o calendário de 2015. 

 

Apresentações

  • Apresentação de Cláudio Duarte sobre as aves da Patagônia. Clique aqui para baixar.

 

Fotos

Foto: Marco Aurélio Antunes

 

 

Foto: Walter Hasenack

 

 

 

Foto: Walter Hasenack

 

 

Foto: Walter Hasenack

 

 

Foto: Walter Hasenack

 

 

Foto: Walter Hasenack

 

 

Foto: Walter Hasenack

 

 

Foto: Walter Hasenack