A reunião do mês de julho iniciou com a caminhada de observação de aves no Jardim Botânico, foram observadas 29 espécies, sendo que quatro espécies (gaviãozinho, choca-da-mata, carrapateiro e quem-te-vestiu) foram observadas pela primeira vez em 2017, embora tenham sido observadas em anos anteriores, relação das aves avistada pode ser baixada, ao final.

Tivemos a participação de 30 associados e 3 visitantes.

Observadores de aves no Jardim Botânico

 Observadores de aves no Jardim Botânico

 

Participação do Biol. Kleber Oliveira, que fez uma retrospectiva das últimas observações de aves no Jardim Botânico.

 Biólogo Kléber

Biólogo Kleber

Após discussão de diversos assuntos de interesse do Clube, os associados Sr. Jefferson Silva e Sr. Wilson Mallmann relataram suas experiências com observações de aves e mamíferos em viagem ao Kruger Park – África do Sul, com excelentes dicas sobre trajetos a percorrer e locais de hospedagem.

 

Jefferson Silva e Wilson Mallmann – Falando sobre o Kruger Park/África do Sul

Jefferson Silva e Wilson Mallmann – Falando sobre o Kruger Park/África do Sul

 

Por fim a palestra foi encerrada com a apresentação da palestra: “O Uso do Fogo Pode Contribuir para a Conservação dos Campos de Cima da Serra?”, proferida pelo Biól. Maurício Bettio, mestre em Zoologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS. A qual rendeu boas discussões entre o grupo.

Biólogo Maurício Bettio palestrando na reunião mensal do COA/POA

Biólogo Maurício Bettio palestrando na reunião mensal do COA/POA

 

Maurício recebeu certificado do COA/POA pela palestra

Maurício recebeu certificado do COA/POA pela palestra

Lista de aves avistadas