Iniciamos a reunião às 8h com a observação de aves no Jardim Botânico, até às 10h, tendo como guia o Biol. Glayson Bencke. O tempo estava bom, com sol, temperatura em torno dos 24ºC. Foram observadas 32 espécies, entre elas, cabe ressaltar o registro do sanhaçu-rei, ferro-velho, pi-puí e, um novo registro para o Jardim Botânico, o saí-andorinha, conforme relação anexa.

Iniciamos a reunião conduzida pelo Presidente Antônio Brum informando os próximos eventos do clube, como a possibilidade de irmos até o Parque Estadual do Turvo em setembro, cuja data ainda será confirmada, bem como a organização de saídas para observação no dia 05 de maio, em ocasião do Global Big Day 2018, sendo sugeridos dois locais: Parque Municipal Morro do Osso e Parque Estadual de Itapeva.

Logo após, alguns associados apresentaram relatos das últimas saídas do grupo. O associado Gilberto Muller e Glayson Bencke relataram a ida a Rio Grande, na saída para observação de aves pelágicas, que aconteceu em março de 2018. A associada Ligia Godoy relatou e apresentou fotos de aves observadas na saída ao RVS Banhado dos Pachecos, como também o relatório sobre a saída.

Finalizando os relatos, o associado Marco Aurélio relatou a saída realizada pelo grupo à Maquiné, em março 2018.

Às 11h, teve início à palestra de Elisandro Santos, Médico Veterinário do Zoológico de Canoas, que conversou sobre “As aves e as Cidades: buscando soluções para os conflitos urbanos”, onde enfocou a problemática da ocupação de aves em residências urbanas e como estes conflitos são resolvidos.

Após breve debate sobre o tema a reunião foi encerrada às 12h.

Nessa reunião estavam presentes 21 associados.

1

2

 

3

 

 

Lista de aves observadas

Clique aqui para baixar o relatório.