O parque possui área de lazer e recreação e área de preservação permanente, sendo, portanto, um parque de uso misto.Dos 18,3 hectares de parque, oito são de banhado e seis de reserva ecológica. O ambiente do banhado e a vegetação nativa plantada compõem caminhos e recantos de beleza natural.

Data: 29 de setembro de 2018.

O ponto de encontro será às 7:O0h no Centro de Visitantes localizado no endereço a seguir: Rua Aloísio Filho, 570 - Bairro Humaitá, PORTO ALEGRE.

Vagas: 20 pessoas. Os menores, entre 6 e 16 anos incompletos, não contarão na soma dos participantes.

Transporte: carros particulares (rateio dos custos entre os ocupantes dos veículos).

Alimentação: cada participante deve levar seu lanche.

Atividades: serão definidas no local pela diretoria técnico-científica.

Requisito para inscrição: estar em dia com a anuidade de 2018 do COA–POA.

Menores de idade: nesta saída serão admitidos menores de idade entre 6 anos e 16 anos incompletos, acompanhados de pelo menos um dos pais ou responsável.

Inscrição e detalhes da saída: a inscrição será através do Fórum do COA-POA neste linkAli você também poderá oferecer, solicitar e combinar caronas e esclarecer dúvidas.

As inscrições enceram-se dia 27 de setembro de 2018 às 18:00h.

Observações finais:

  • Leve seu guia de identificação, lista de campo e binóculo.
  • Providencie meios de proteger-se da ação nociva dos raios solares.
  • Providencie meios de transportar água e lanche necessários para a caminhada
  • Se você vai fotografar, não esqueça de levar uma ou mais baterias de reserva (carregadas), bem como cartões de memória suficientes para muitas fotos.
  • Recomendamos não deixar nenhum pertence dentro do carro pois o estacionamento é em via pública.

O Clube de Observadores de Aves de Porto Alegre – RS convida a todos para participarem da reunião mensal do clube no dia e horário abaixo.

Dia: 15 de setembro de 2018.

Local: Escolinha do Jardim Botânico de Porto Alegre

Horário: Das 08:00 às 12:00 horas.

Programação:

8:00h às 9:30h - Observação de aves no interior do Jardim botânico, aberta a toda comunidade.

9:30h às 9:45h – Intervalo.

9:45h às 10:00h – Boas vindas e apresentação da saída do dia.

10:00 às 10:15 - Assuntos diversos de interesse ao clube.

10:15 às 10:45 – Apresentação da saída ao Banhado dos Pachecos e apresentação de resultado da Oficina de Observação de Aves realizada no Morro do Osso.

10:45 às 11:00h – Exibição de vídeo de 15 mim. Sobre o título: Antártica: Entre aves e growlers. O vídeo exibe a participação do associado Antônio Brum na expedição à Antártica em 2017. O vídeo é exibido no programa de comemoração à semana Polar Ártica e Antártica, que se realiza neste mês, no Brasil.

11:00 às 12:00 – Uma Viagem ao Pantanal – Apresentação de Glauco Magalhães Pereira, que falará sobre viagem recente feita ao Pantanal.  Serão exibidas fotos e vídeos sobre a fauna e sobre a viagem.

Contamos com a sua presença.

Diretoria COA-POA/2018.

No dia 08 de julho de 2018, o Clube de Observadores de aves de Porto Alegre – COA/POA realizou sua quarta saída de campo oficial para observação de aves nos municípios de Morro Reuter (MR) e Santa Maria do Herval (SMH). O local é formado por morros que chegam a altitudes de pouco mis de 600 m, com áreas remanescentes consideráveis de Mata Atlântica.

Após o encontro dos sete participantes na entrada de Ivoti, na BR-116, o grupo seguiu até o Rio Loch, divisa entre MR e SMH. Partindo do Balneário do rio Loch, percorremos cerca de 2,5 km pela estrada de terra em meio aos morros, pelo lado direito do rio (que fica em SMH). Retornamos por volta do meio-dia até o ponto de partida, onde foi feito um lanche. A manhã foi toda de céu encoberto e muita neblina no topo dos morros. A temperatura estava baixa e o vento aumentava a sensação de frio. No entanto, a previsão de chuva (que prejudicou um pouco nas inscrições na saída) não se confirmou e não foi preciso usar as capas ou guarda-chuvas.

À tarde o grupo se deslocou até o alto do morro onde fica a antena da Embratel, em Morro Reuter. Lá existe um mirante com uma ampla visão da cidade vizinha (Dois Irmãos) e outras um pouco mais afastadas (Sapiranga, Novo Hamburgo).

No total registramos 57 espécies de aves durante a saída (veja relatório completo), número inferior ao observado em saídas anteriores à região. Em outubro de 2013 foram registradas 84 espécies, em abril de 2015 foram 79 espécies e na saída de maio de 2016, 67 espécies. Talvez o período em que ocorreu a saída dessa vez (inverno) tenha contribuído para essa redução.

Relatório

Clique aqui para baixar o relatório completo.